Bomba em São João: MP instaura inquérito e Luiz Claudino será investigado por compra, supostamente fraudulenta, de um terreno pertencente ao irmão e à filha do ex-prefeito Airton Pires

Por Fonte83 - 25/10/2023

A Promotora de Justiça da cidade de São João do Rio do Peixe, Patrícia Napoleão de Oliveira, instaurou na última sexta-feira, 20 de outubro, um Inquérito Civil para investigar possível ato de improbidade administrativa praticado, em tese, pelos reclamados, “na medida em que o Prefeito Luiz Claudino de Carvalho Florêncio adquiriu, diretamente, terreno para construção de escola por meio de procedimento de inexigibilidade de licitação, junto à pessoa jurídica de direito privado, Galdino Administradora de Imóveis LTDA, que possui como sócios e representantes o irmão e a filha do ex-prefeito José Airton Pires de Sousa, aliado político do então prefeito, para fins de beneficiamento dos aliados políticos em comento”.

Segundo a peça investigativa, os denunciados na lide são as seguintes pessoas e empresa:

Luiz Claudino de Carvalho Florêncio – Prefeito do Município de São João do Rio do Peixe/PB;

Galdino Administradora de Imóveis LTDA, pessoa jurídica, CNPJ 13.462.135/0001-10;

Francisco de Sousa Pires, sócio administrador da empresa, irmão do ex-prefeito de São João do Rio do Peixe/PB;

Anna Lorena Santana Pires, sócia da empresa, filha do ex-prefeito de São João do Rio do Peixe/PB, José Aírton Pires de Sousa.

A denúncia que originou tal investigação se deu através da Notícia de Fato de n.º 001.2022.087073, protocolada por um cidadão são-joanense que terá o nome preservado em virtude de eventual perseguição por parte dos denunciados.

CONFIRA A PORTARIA DO MP

001.2022.087073-Portaria de instauração de IC nº 47_PJ - São João do Rio do Peixe_2023-Portaria de instauração de IC-2023-0002021057