R$ 50 milhões: Lei Paulo Gustavo teve mais de 3 mil projetos inscritos na Paraíba

Por Fonte83 - 24/10/2023

De acordo com o balanço divulgado nesta terça-feira (24), pela coordenação da Lei Paulo Gustavo na Paraíba, foram inscritos 3.359 projetos para os 12 editais regionais abertos no estado, inseridos nas ações anunciadas pelo Governo da Paraíba com investimentos de mais de R$ 50 milhões.

Desse total de inscrições, 1.036 delas concorrem em algumas das ações afirmativas previstas, voltadas para a população negra e população indígena, correspondendo a 30,84% do total de projetos.

 Segundo a Secretaria de Estado da Cultura (Secult-PB), os projetos são originários de 178 municípios paraibanos diferentes, de todas as 12 regionais de cultura, atendendo assim à proposta inicial da pasta de descentralizar os recursos e permitir que o maior número de trabalhadores de cultura pudesse participar da concorrência e eventualmente serem contemplados.

No que diz respeito às categorias previstas nos editais, a realização de projeto social no valor de até R$ 50 mil (com 611 inscrições), a realização de projeto social no valor de até R$ 25 mil (com 444 inscrições) e a produção de curta-metragem para estreantes no valor de até R$ 50 mil (com 434 inscrições) foram as mais procuradas.

Sobre as análises dos projetos, a Secult-PB decidiu por uma avaliação híbrida, selecionando avaliadores paraibanos, que conhecem mais a realidade local, e também de fora da Paraíba, que vão adotar um perfil estritamente técnico de trabalho.

Segundo o secretário da pasta, Pedro Santos, dentre os avaliadores de fora, têm pessoas de Pernambuco, Espírito Santo, Bahia, São Paulo, Ceará, Sergipe, Pará, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

 

Cronograma:

6 de novembro: divulgação do resultado preliminar da etapa de análise de objeto

9 a 12 de novembro: período para interposição de recursos

16 de novembro: divulgação do resultado final da etapa de análise de objeto

17 a 20 de novembro: período para envio documental da etapa de habilitação

28 de novembro: divulgação do resultado preliminar da etapa de habilitação

1º a 4 de dezembro: período para interposição de recursos

9 de dezembro: divulgação do resultado final

12 a 18 de dezembro: assinatura dos termos de execução cultural

21 de dezembro: convocação de suplentes

19 de janeiro a 2 de fevereiro: realização de mentorias de nivelamento com os proponentes selecionados