Prefeito Bal, de São José de Piranhas, vai gastar meio milhão com carnaval fora de época, enquanto prefeitos da Paraíba estão com o “pires na mão”

Por Fonte83 - 28/08/2023

O Festival Micaranhas, carnaval fora de época de São José de Piranhas, no Sertão, já soma quase meio milhão de reais em cachês pagos a artistas que irão se apresentar na festa.  Os gastos são estratosféricos a serem empregados no evento.  Após a contratação de Murilo Huff, cujos custos são de R$ 300 mil para os cofres públicos, outra atração foi contatada. Trata-se Felipe Amorim, sendo o valor do cachê orbitando em R$ 180 mil.

A festa vai ser realizada em praça pública nos dias 22, 23 e 24 de setembro. Constam nas atrações, ainda, Psirico, Michele Andrade, Henry Freitas, entre outros artistas, que devem elevar os gastos empregados na festa.

O que chama a atenção é que os R$ 480 mil já publicizados para o pagamento de cachês é superior ao que prefeitura pretende contratar para oferecer à população exames laboratoriais.

A previsão de gastos com exames laboratoriais é de R$ 407.588,95. O contrato a ser firmado terá duração de um ano.

A situação é grave,  pois  muitas prefeituras da Paraíba que não têm recursos para manter serviços e honrar a folha de pagamento dos seus servidores.  Os prefeitos estão com o chamado “pires na mão” e reclamam do repasse de verbas da União.